Faça o seu comentário

Este post não permite comentários

Comentários

Felipe Cerqueira em 11 de outubro de 2009 às 21:58:35»
Olá.
O texto original é de Rosana Hermann…. Herbert Vianna não deve nem saber da existência dele….
Abraços
avatar
msp1500 em 08 de maio de 2009 às 11:58:02»
Gente, agora eu gostei. O Arghus sintetizou o que eu penso de Herbert Viana e eu ainda acrescento o Raul Seixas - o maluco incompreendido por muitos - e digo "Abaixo o Cazuza". A sociedade brasileira, principalmente os "filhinhos de papai", auxiliados pela grande mídia, e até o cinema, tentam idolatrar uma pessoa que deveria ser citada como exemplo a NÃO ser seguido.
Quanto a sociedade consumista e irracional que está se foemando em torno das tendências comerciais (entenda-se moda, modismo, tribos e outros assuntos banais), está se deteriorando a cada dia que passa.
Sociedade de hipócritas que venera a banalidade, idolatra o consumismo desenfreado e trata com indiferença ou mesmo repulsa a inteligência, a desenvoltura, a amizade, o amor, o carinho, a compreensão, e muitos outros sentimentos e até as atitudes que são essenciais para melhorar a vida de todos nós, seres humanos e sociais.
A Angelik e a Ruby foram exatamente no âmago das questões sociais da atualidade, e infelizmente, é esse o pilar em que estão tentando alicerçar a sociedade futura.
Parabéns, Andressa, por ter trazido à tona esse tema.
avatar
Angelik em 08 de maio de 2009 às 09:42:29»
Conheço muitas mulheres assim.

Eu me afastei de muitas amigas porque elas só queriam falar sobre cabelo, dieta, moda, ou novela...

Política, mundo ou ciência, eram assuntos chatos demais para elas, o mais importante era saber sobre a nova dieta, se a roupa estava combinando ou não, se estava gorda ou magra.

São meninas vazias, parecem que saíram daquele filme "mulheres perfeitas" onde as mulheres são lindas, magras e "perfeitas", mas não pensam.

São robôs manipulados pela sociedade consumista.
avatar
Angelik em 08 de maio de 2009 às 09:25:49»
Ele sintetizou tudo que eu penso também.

Eu vejo um monte de patricinhas, bonitinhas, fabricadas e montadas que nem boneca, só embalagem e nenhum conteúdo.

Pior é que isso começa muiiiito cedo. Eu fico pasma quando vejo meninas de 5, 6 anos com maquiagem pesada, salto alto, cabelo da moda etc... é um absurdo e as idiotas das mães ainda acham bonitinho. ma

As meninas não vestem mais aqueles vestidinhos de boneca com saias rodadas, lacinhos no cabelo e sapatilhas de balé... elas usam salto alto, minisaia ou shortinhos bem curtos, unhas vermelhas e olho preto.

E a profissão que elas querem seguir é: modelo, cantora, atriz ou put* de luxo.

Ou seja, não precisam estudar ou usar o cerébro, por isso capricham no corpo, é só o que elas terão quando crescerem. sad
avatar
Arghus X em 08 de maio de 2009 às 06:28:55»
O poeta Herbert Viana falou claramente, o que a maioria da sociedade deveria ouvir, pois além de embelezarmos o corpo, temos também que iluminar antes de tudo o nosso de coração de amor e sensibilidade para termos uma sociedade mais Humana e livre de preconceitos.
Valeu Herbert!
Nota 1000000 prá o post da Dressinha!
fool fool